Artigos

Qual a importância na calibração de termômetros?

Em Calibração

O uso de termômetros é muito comum em diversas áreas como: saúde, farmacêutica, industrial, alimentos, bebidas, químicas, petrolíferas e etc. Saber o valor da temperatura é essencial para alguns tipos de processos que necessitam monitorar altas temperaturas, como as realizadas nas caldeiras industriais por exemplo. Em outros casos, são as baixas temperaturas  que devem ser monitoradas,  como é o caso de armazenamento de produtos congelados.

Para conhecer os valores de temperatura e monitorá-los por um certo tempo de maneira simples, é necessário um termômetro ou sistema de medição de temperatura adequado ao que se deseja medir.

O uso de termômetros ao longo do tempo, sendo manuseado por diversos operadores e exposto a diversas condições de manuseio, transporte e ambientais, pode levar a resultados de medição duvidosos e que não representam as características daquele processo.  É através da calibração que conseguimos conhecer o erro de um instrumento de medição e a incerteza de medição associada a esse erro, podendo assim verificar se os resultados de medição são confiáveis.

Calibração de termômetros

A calibração de termômetros irá depender do tipo e modelo de termômetro utilizado. Atualmente, existe uma vasta quantidade de modelos de termômetros vendidos no mercado. Como por exemplo, vamos citar o instrumento mais comum da série de termômetros,  o chamado  termo-higrômetro que apresenta  sensores de temperatura interna e externa e também sensores de umidade relativa.

A calibração de termômetros pode ser realizada de diversos métodos, a maioria desses métodos é referenciada por entidades como a ISO, ABNT, Inmetro, etc. Cada laboratório de calibração possui seu método de medição baseado em alguma referência técnica, seja ela nacional ou internacional.

Para que a calibração seja realizada, é necessário que o cliente informe primeiramente os pontos de calibração que deseja para o seu instrumento. Vamos dar um exemplo de um termômetro digital com faixa de medição de -30°C a 100°C. Esse termômetro é utilizado para o preparo de uma amostra de uma indústria que o utiliza na faixa de trabalho de 40°C a 80°C.

Logo, a melhor opção é escolher pontos que estejam mais próximos dessa faixa de trabalho. Sendo assim, foi solicitado ao laboratório a calibração em 6 pontos, sendo eles (30,40,50,60,70 e 80) °C.

Por fim, a calibração é realizada pelo laboratório contratado e um certificado de calibração é emitido informando o erro de medição e incerteza associada aquele erro para todos os pontos solicitados. A próxima etapa agora é realizada pelo responsável do instrumento, ele deve avaliar o certificado de calibração e verificar se os valores apresentados atendem aos seus requisitos de processo e o se termômetro pode voltar a ser utilizado.

Por que a calibração é importante?

A calibração consegue identificar qual o erro do instrumento de medição e a incerteza de medição associada a esse erro, apresentando esses valores por meio de um certificado de calibração. Conhecer os valores de erro e incerteza de um instrumento de medição são fundamentais para verificar se os valores medidos são confiáveis e podem ser utilizados nos diversos tipos de processos.

Na indústria de alimentos por exemplo, as implicações do uso de termômetros  que não foram calibrados podem gerar consequências como:

  • Impactar na fabricação de produtos e bebida ;
  • Violar o indicador HACCP em português, Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle;
  • Custos para o produtor com desperdícios, retrabalhos, lotes não conformes, e etc;
  • Risco para o consumidor ao receber produtos de má qualidade;
  • Afetar a reputação da empresa, por oferecer produtos de baixa qualidade

Na indústria de manufatura por exemplo, qualquer instrumento utilizado deve ser calibrado em vários pontos em sua faixa de trabalho para garantir informações confiáveis. Os termômetros devem ser calibrados frequentemente e seus valores de erro e incerteza apresentados no certificado de calibração devem ser aprovados pelos responsáveis que habilitam o uso desse termômetros nos processo industrias de sua empresa.

Na indústria de farmacêuticos, a não calibração de termômetros pode afetar negativamente o armazenamento e distribuição de produtos para a saúde. No ramo da saúde, ainda é pouco divulgado a importância da metrologia, ciência da medição, em diversos casos, desde os equipamentos de medição utilizados em tratamentos, até o uso de instrumentos como o termômetro para fabricação de medicamentos.

De uma forma simplificada, a calibração é uma comparação entre os valores de um instrumento de medição e os valores estabelecidos por padrões sob condições específicas, tais como: temperatura ambiental, ausência de poeira e vibrações, tensão de alimentação, etc. Usualmente o resultado de uma calibração é apresentado em um certificado de calibração, contendo no mínimo as informações de erro de medição e incerteza de medição associado a esse erro.

E como antes , a palavra calibração remetia a um ajuste, esse termo também foi acrescido ao VIM  em duas terminações:

  • Ajuste de um sistema de medição: Conjunto de operações efetuadas num sistema de medição, de modo que ele forneça indicações prescritas correspondentes a determinados valores duma grandeza a ser medida.
  • Ajuste de zero: Ajuste dum sistema de medição de modo que o mesmo forneça uma indicação igual a zero correspondente a um valor igual a zero da grandeza a ser medida.

E para salientar essas mudanças, o próprio VIM informa uma nota explicando em seu conteúdo que se convém não confundir a calibração com o ajuste de um sistema de medição, frequentemente denominado de maneira imprópria de “auto-calibração”, nem com a verificação da calibração.

Como podemos ajudar a sua empresa?

A ACC Engenharia de Medição com um corpo técnico altamente qualificado e com mais de 20 anos de experiência pode ajudar sua empresa a aplicar os conceitos de validação e qualificação,, auxiliando na avaliação de dos processos, na elaboração da documentação e na execução das etapas de qualificação e validação.

Conhecimento tecnológico e suas aplicações são fundamentais para a busca da melhoria contínua, garantir a qualidade de produtos e a confiabilidade dos processos.

Entre em contato conosco e entenda como podemos ajudar você a gerar valor

[1] INMETRO, https://www4.inmetro.gov.br/                      
[2] NIST, https://www.nist.gov/
Fale conosco!